I just thought...

 

 

“Precisava de alguém. Precisava de algo que me fizesse voltar a sorrir. Algo que me voltasse a fazer acreditar num impossível. Precisava de uma nova história.

Mas não, como todas as outras. Não uma que durasse apenas alguns momentos, não uma que durasse só o suficiente para eu dizer ‘não estive sozinha neste tempo’. Mas sim algo bom, algo realmente verdadeiro.

E é aí que tu entras…

Assim, sem mais nem menos, apareces na minha vida. Transformas tudo do dia para a noite. Fazes-me, voltar a sorrir de uma maneira, que já ninguém fazia á muito tempo. Volto a divertir-me, acordar todos os dias com um sorriso na cara. Fazes-me, voltar a acreditar que no fundo, o ‘amor’ não é um bicho-de-sete-cabeças, como o pintam. Em tão pouco tempo, tornas-te tão importante para mim, como alguém com quem já tivesse á tantos meses. Sinceramente, fazes-me feliz.

 

A verdade é que, parecia tudo tão perfeito, tão bom, tão real…

E assim eu o achava. Mas… No fundo era tudo uma mentira. Mais uma vez me iludi. Criei expectativas de algo que só eu via futuro. Enquanto para mim eras tudo, para ti, eu era apenas mais uma das tuas amigas.

 

A questão é… Se não tinhas intenção de amar-me, porque entras-te na minha vida desta maneira? Porque por vezes falavas no futuro, e incluías-me nele? Porque?

Acredita, pensei que fosses diferente. Olhava para ti como um Homem, e não um menino que anda por aí a viver mini – aventuras com esta e com aquela. Não daquele tipo de rapaz que tem 3 e 4 em vista, e se uma não der, olha, fodasse, tem-se a outra.

És tão diferente daquilo que eu idealizei, que é realmente dificil de acreditar quando me contam certas coisas. E sim, eu acredito no que me dizem, pois as tuas atitudes não provam o contrário.

 

Com isto tudo, percebi que caí num dos maiores erros de sempre; apaixonei-me.”

 

 

Just a dream. (Que belo pesadelo.)

Ando tão sentimentalista, que só me dá para escrever textos destes.

Ainda estou para saber o verdadeiro desfecho desta história.

Sinto-me: Assim mesmo..
Música: OneRepublic - Secrets
tags:
Publicado por livingdreams às 18:39 | Link do post | Comentar